Sobre mim

Tocando teclado em apresentação

Nascido em 18 de outubro de 1991 na cidade de Ivoti e deficiente visual natural de Novo Hamburgo (Rio Grande do Sul), já na infância interessei-me pela música por influência do pai, que atuava como discotecário e possuía uma vasta coleção de fitas cassete.

Iniciei meus estudos musicais nos Meninos Cantores de Novo Hamburgo (Os Canarinhos), onde conheci o meu primeiro instrumento musical (teclado) e cantei no coral. Mas foi com cinco anos de idade, já na Sol&Cia – Escola de Música, que teve início o meu aprendizado no instrumento.

Estudei e aperfeiçoei-me durante alguns anos. Uma década depois, migrei meus estudos para o piano. Durante esse tempo, já participava de várias apresentações e recitais promovidos pela escola.

Minha primeira apresentação quando ainda criança

Cursei parte do ensino fundamental e integralmente o ensino médio na
Universidade Feevale, onde montei com meus colegas a “banda Nous” – minha primeira banda -, com a qual representei a escola em diversas apresentações e festivais colegiais.

Tocando com a banda em um dos recreios culturais da Feevale

Uma foto em que aparece os meus dedos no piano, bem de perto

Na medida em que evoluía ao piano, os convites não paravam de surgir. Apresentei-me em diversos eventos como festas, casamentos, aniversários e outras datas comemorativas, dentre os quais continuo sendo requisitado até hoje.

Tocando na festa de 38 anos da CBL em Dois Irmãos

A partir do meu ingresso na Faculdades EST em 2010, interessei-me pela criação de arranjos, jingles e playbacks, por meio do uso de softwares de notação e produção musical. Também neste período, fui convidado a participar do grupo musical Gingapraquê, onde atuei como pianista, tecladista e arranjador.
Em 2012 concluí o Curso Técnico em Composição e Arranjo da instituição e, na sequência, ingressei no curso Técnico em Música, onde dei continuidade aos meus estudos de piano

Uma foto do meu recital de formatura em que apareço com o professor e então coordenador dos cursos técnicos em música (Daniel Hunger)

Em 2013 tive a oportunidade de improvisar com o pianista de Blues Sumito Ariyo Ariyoshi, em um workshop promovido também pela EST.

Uma foto com o pianista de blues sumito aryo ariyoshi

Neste mesmo período já tinha minha segunda formação – Banda Rege -, com ex-professores da Sol e Cia. O grupo atuava regularmente na Churrascaria Schneider de São Leopoldo e apresentou-se em eventos diversos. Com a banda, também tive a oportunidade de acompanhar a Orquestra De Sopros de Novo Hamburgo (Osnh), onde contribuí com alguns de meus arranjos.

Com um novo arranjo para uma das músicas de maior sucesso (Ausência), participei do Lançamento do CD e DVD Machado & Marcelo do Tchê – ex-vocalista do Tchê Barbaridade, além do show “vencendo limites” promovido pelo Instituto Acessibilizar, que já reuniu artistas de nome como Rafael Malemotti (acústicos e Valvulados), Daniel Torres, Guri de Uruguaiana, Marcelo Teixeira, Paulo Dionísio (Produto Nacional) e muitos outros com os quais tive a oportunidade de acompanhar.

Um vídeo com o ex-vocalista do Tchê Barbaridade (Marcelo do Tchê): Nova versão da música ausência

Também sou constantemente requisitado a participar de eventos totalmente culturais promovidos por movimentos como Viva a Música, o qual tem por objetivo dar visibilidade aos talentos da cidade e aproximar artistas e público.

De outros eventos que já me apresentei, destacam-se:

  • Teatro Feevale na abertura da palestra de Divaldo Franco – 2016
  • São Leopoldo Fest – 2018
  • Teatro da Amrigs – 2018
  • ExpoTai em Canoas – 2018
  • Feira do Livro de Porto Alegre – 2018
  • Casa de cultura Mario Quintana – 2018
  • Festa das flores em Ivoti – 2018
  • Usina do Gasômetro de Porto Alegre – 2019
  • 13ª feira do Mel, Rosca e Nata de Ivoti – 2019
Reportagem produzida pela equipe do programa conexão tv unissinos

Em junho de 2020 durante a pandemia do COVID19 e como parte de uma atividade da faculdade, lanço o meu primeiro EP, intitulado “Da Minha Casa para o Mundo: Só uma Palinha”. O presente trabalho contempla quatro músicas; três de minha autoria e um arranjo / interpretação. É um esboço do álbum completo a ser lançado posteriormente.

Também já atuei em diversas web rádios do segmento de pessoas com deficiência visual, tanto como locutor quanto na produção de vinhetas. Minha participação mais efetiva foi na rádio diversidade, onde apresentava os programas “Manhã diversidade” e “bailão da diversidade”. O primeiro era direcionado principalmente para o público de bom gosto, ou seja, que procurava curtir e conhecer cada vez mais uma infinita possibilidade de estilos musicais e novos artistas, sem deixar de lado a participação e a interatividade. O segundo apesar de já constar na grade de programação da rádio, tocava músicas sertanejas de baile e, com o meu ingresso , o programa ganhou um novo quadro, onde apresentava versões remixadas dessas músicas, grande maioria produzidas por mim, já que esse tipo de conteúdo era bem escasso. Permaneci na Diversidade até final de 2013 e, em 2014, fui convidado a atuar na rádio Plurissom.


atualmente continuo construindo minha carreira musical como tecladista e produtor, além de acompanhar vários talentos da região,

Tenho várias composições próprias do gênero instrumental inspirada em muitas das vertentes do estilo.

Tocando uma música de composição minha: Chorinho da Alegria

Produzo em casa regularmente arranjos para o Studio Brother’s, um dos melhores estúdios de Porto Alegre.
Não menos importante, trabalho como auxiliar de informática na FACULDADES EST desde 2010 até o momento.


Homenagem da escola Sol & Cia